>

Na baía da N. Senhora da Esperança cinco moradias construídas em 1922 foram recuperadas no final da década de 1990. Pelo seu projecto de renovação das cinco moradias na Ilha da Taipa a arquitecta portuguesa Maria José de Freitas – radicada em Macau desde 1987 – foi distinguida com uma Menção Honrosa no âmbito do Prémio Arcasia 2002, na categoria de Projectos de Conservação.
A entrega do prémio realizou-se durante o 10º Congresso dos Arquitectos da Ásia (ACA) e o 23º Encontro do Conselho do Arcasia (Architects Regional Council of Asia), que decorreu em Nova Delí, na Índia. O galardão visa premiar a excelência dos trabalhos a concurso e a sua atribuição contribui para melhorar a divulgação dos projectos realizados como exemplos a seguir pelas novas gerações, de forma a garantir a sustentabilidade da boa arquitectura na Ásia. Informações adicionais  neste post http://macauantigo.blogspot.com/2010/06/vivendas-taipa-desde-1921.html
                            
As imagens representam o antes (década 1970) e o depois (década 1990) do projecto de renovação.
Imagem da década de 1920
Imagem da década de 1990 cedida por Maria José de Freitas
Anúncios